A COPA QUE NÃO GANHAREMOS

Não ganharemos porque não interessa ao mundo o distanciamento e a hegemonia brasileira neste esporte. Não interessa nem mesmo aos atletas brasileiros. As pessoas mais afoitas, inclusive da imprensa, já começam, como sempre, a se engajar numa campanha ufanista infantil longe da realidade e da racionalidade. Não podemos esquecer que os nossos craques mais destacados estiveram passando por problemas de relacionamento e mesmo de condicionamento físico durante os últimos meses. Agora, como que por milagre, todos voltam ao Brasil (lembremos que o mundo passou por uma tremenda crise financeira, principalmente a Europa), abrindo mão de receber milhões de euros em troca de não se sabe quanto e nem quem esta pagando seus salários.
É preciso que fiquemos alertas porque no Brasil, as coisas são muito camufladas, inclusive pela imprensa. Muitos motivos contribuem para isso: A garantia de emprego para jornalistas, comentaristas e a televisão. Muitos países abriram mão de sediar a copa neste momento. A própria Inglaterra está em palpos de aranha para promover as Olimpíadas de Londres em 2012. Esta nossa seleção está servindo a muitos interesses, fora do futebol. Ninguém é tão cego que não percebe que o Ronaldão "fenômeno" bolão, não tem condições de participar de uma Copa do mundo. Mas existe "looby" para ele.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

OS MOVIMENTOS SOCIAIS PERDEM FORÇA COM O NOVO CONGRESSO

PRECONCEITO NÃO É COISA MODERNA